Logomarca

Atualidades

Controle rigoroso e mais agilidade proporcionam melhorias do processamento ao resultado de exames

Publicado em 15 de Julho de 2019

A logística no processo de coleta de materiais biológicos da Rede Pública Municipal de Campo Grande está sendo modernizado o que, por sua vez, vai assegurar maior controle, agilidade e melhoria em todas as etapas de processamento dos exames laboratoriais. A partir desta segunda-feira (15), os materiais ja começam a ser recolhidos em um intervalo de 1 hora nas unidades de urgência e emergência (UPAs e CRSs), permitindo que o paciente crítico seja assistido com mais rapidez.

A expectativa é de que a partir de amanhã (16) o serviço de coleta seja expandido para as demais unidades de saúde que possuem posto de coleta (UBS, UBSF e Clinicas da Família). O volume é de cerca de 2 mil exames a serem transportados por dia. Em média, o Labcem processa 350 mil exames por mês.

A melhoria na logística é possível através da contratação de uma empresa especializada no transporte de amostras biológicas que possui certificação ISO 9001, que segue normas padronizadas que garantem a integridade e excelência das operações técnicas conforme padrões internacionais. A empresa disponibiliza 18 veículos para o serviço, sendo 6 carros e 12 motos. A Secretaria Municipal de Saúde (SESAU) dispunha de apenas cinco motocicletas para fazer esse transporte.

Voltar

Diário Diretor: Nilson Pereira
Todos os direitos reservados

Alugue um site você também! FX Design